História

Em meados dos anos 50, estudantes do município de Piracicaba, no interior de São Paulo, idealizavam um espaço para praticar esportes, realizar eventos e aproveitar o tempo livre ao lado de familiares e amigos. Foram inúmeras conversas até chegarem a um acordo que prometia revolucionar a vida dos piracicabanos: a criação de um Clube Sócio Esportivo na cidade.

Eles tinham tudo planejado e só precisavam encontrar o lugar ideal para iniciar o projeto. Foi aí que algo inesperado aconteceu. A chácara Lara Campos, do falecido Conde Rodolpho de Lara Campos foi colocada à venda. Na época, todos ficaram animados, pois o espaço era privilegiado e com vista para o rio da cidade. Porém, no começo das negociações surgiram algumas complicações, pois o valor era quase inviável.

No entanto, os jovens tiveram a ideia de convidar amigos para serem sócios da transação e a lista chegou aos 96 nomes, além de Carlos Dias Corrêa Filho, Garcia dos Santos Neto, Ben Hur Carvalhães de Paiva e Osmar Ferraz de Almeida Prado, os idealizadores do projeto. A ideia deu certo e a terra foi comprada e repartida entre os quatro estudantes e os associados.

No dia 8 de agosto de 1954, nasceu o Clube de Campo de Piracicaba que, com o passar dos anos, foi ampliando suas instalações, construindo piscinas, quadras, ginásios, canchas de bocce, campos de futebol e, além disso, se tornou referência na formação de atletas em diversas modalidades.

Na época, a quadra de tênis foi um grande sucesso, por se tratar de uma modalidade pouco explorada na cidade e no país. Com o passar do tempo outros esportes foram surgindo e também ganharam destaque. As equipes do CCP sempre participaram de muitas competições e conquistaram muitos títulos, situação que ocorre até os dias atuais.

Hoje, o Clube de Campo expandiu sua infraestrutura e conta com um espaço de academia de ginástica e musculação, salas para treinos de judô, aulas de yoga e ballet, campos de futebol, ginásios para jogos de basquete, vôlei e futsal, quadras de tênis de campo, salas de tênis de mesa e squash, espaços destinados às crianças e piscinas onde são realizadas aulas de natação e hidroginástica. Além disso, possui extensa área arborizada para lazer e descanso e os Salões de Vidro e de Cristal são reservados para grandes festas e eventos.

Bandeira e logotipo

O pintor, professor e escultor piracicabano, Archimedes Dutra (1908-1983), foi o criador do logotipo e da bandeira do Clube de Campo de Piracicaba. Professor de desenho e pintura e doutorado pela ESALQ/USP com a tese "Contribuição de Piracicaba à Arte Nacional", Dutra colecionou centenas de medalhas e títulos ao longo de sua carreira artística internacional. Além disso, foi sócio-fundador do Clube de Campo.

Hino

Letra: Ésio Antônio Pezzato
Música: Jorge Chaddad
Arranjo: Sérgio Belluco

Mil novecentos e cinquenta e quatro
O mês de agosto rebentou em flor
Piracicaba viu o grande fato
Que trouxe orgulho com imenso amor

Clube de Campo foi então criado
Para a cultura vira aqui morar
E para o social ser praticado
Também o esporte muito mais brilhar

Piracicaba hoje sente a glória
Linda e vibrante em nosso céu anil
Clube de Campo faz a sua história
Clube de Campo orgulho do Brasil

Aos fundadores nossas homenagens
Brilha o passado em luz para o povir
Pois foram todos grandes personagens
Por tantas glórias que ainda estão por vir

O céu azul bordado de amarelo
Traz mil estrelas causa sensação
Clube de Campo és mais que um sonho belo
Que faz vibrar no peito o coração

Piracicaba hoje sente a glória
Linda e vibrante em nosso céu anil
Clube de Campo faz sua história
Clube de Campo orgulho do Brasil